Me Libertar



"Não sei por que, sorri de repente... e um gosto de estrela me veio à boca!"
Mário Quintana


Cresci numa cidadezinha e quando a chuva caía

Eu olhava pela minha janela

Sonhando com o que poderia ser

E se eu acabasse feliz

orava

Esforçando-me para chegar

Mas quando eu tentei gritar

Senti como se ninguém pudesse me ouvir

Queria continuar aqui

Mas algo parecia tão errad

Então euoro

pra poder me libertar


Eu vou abrir minhas asas e eu vou aprender a voar

Eu farei o que for preciso até eu tocar o céu

Fazer um desejo, ter uma chance, mudar e me libertar

Fora da escuridão em direção ao sol

Mas eu não vou esquecer todos aqueles que eu amo

Eu vou arriscar, ter uma chance, mudar e fugir


Quero sentir a brisa morna

Dormir debaixo de uma palmeira

Sentir a adrenalina do oceano

Entrar a bordo de trem rápido

Viagem em um avião a jato

Voar

E fugir


Eu vou abrir minhas asas e eu vou aprender a voar

Eu farei o que for preciso até eu tocar o céu

Faça um desejo, dê uma chance, mude e se liberte

Fora da escuridão em direção ao sol

Mas eu não vou esquecer todos aqueles que eu amo

Tenho que arriscar, ter uma chance, mudar e me libertar


Edifícios com cem andares

portas giratórias

Talvez eu não sei onde me levará, mas

Continuar me movendo

Voar alto, me libertar


Eu vou abrir minhas asas e eu vou aprender a voar

Embora não seja fácil de dizer adeus

Tenho que arriscar, ter uma chance, mudar e me libertar

Fora da escuridão em direção ao sol

Mas eu não vou esquecer o lugar eu venho

Tenho que arriscar, ter uma chance, Mudar e me libertar

Me Libertar















Pq isso explica bem quem eu sou e do que sinto falta. Aliás nos últimos dias tenho sentido muita falta de coisas que não deveria... Como sempre...
Continuo pedindo pra que vc se cuide, pq aqui eu me cuido tb.
Saudades sempre,

Meu beijo e carinho.

Kaká.


Ps.: "sempre há alguma coisa que falta. guarde isso sem dor, embora, em segredo, doa" 
(Caio F. Abreu)

1 comentários:

Rossana Belfort disse...

Adoro seus post's me vejo na época passada da minha vida...